• (11) 3280-2683 (3280-ANTE)
  • cursos@antebellum.com.br
Estudo de Caso

Todo o treinamento se passa dentro de uma organização fictícia, onde os controles são implantados para suprir as mesmas necessidades da maioria das empresas

Exercícios

Durante o treinamento, várias questões são apresentadas para testar a assimilação do conhecimento pela turma

Casos Reais

O Material é recheado com histórias reais que ilustram os conceitos aprendidos durante o treinamento

Pré-requisitos

Este curso é o primeiro passo para a compreensão do processo de Perícia Forense, e não possui pré-requisitos

Objetivo

Conscientizar a todos os profissionais de TI e Segurança da Informação na empresa quanto à necessidade de proteger as evidências digitais para preservar seu valor legal, além de apresentar todo o arcabouço jurídico relacionado a provas e demonstrar todas as etapas de uma investigação forense digital.

Público Alvo

Todo o pessoal envolvido com a gestão da segurança da informação, o que inclui os proprietários das informações e os custodiantes das mesmas.

  • Gestores, Consultores e Pessoal de Suporte, e gerentes de projeto de serviços de TI
  • Analistas e gerentes de àreas de negócio (financeiro, RH, engenharia, etc)
  • Desenvolvedores,Integradores e arquitetos de sistemas
  • Engenheiros e especialistas de rede
  • Profissionais de segurança da informação

Características:

  • Carga Horária: 8 Horas
  • Valor parcelado: R$ 800,00 (10 vezes)
  • Valor à vista: R$ 640,00 (20% de desconto)

Valores especiais para turmas in-company

SOBRE O TREINAMENTO FOR 401

O treinamento FOR 401 apresenta um conteúdo único sobre a legislação brasileira relacionada a provas judiciais em todos os âmbitos. Durante o treinamento os participantes compreenderão todos os passos de uma perícia em provas digitais e os fundamentos para uma coleta apropriada de evidências, garantindo a integridade das provas.

Objetivos do Curso

Crimes digitais podem afetar profundamente a vida que qualquer pessoa ou empresa, ao mesmo tempo que crimes comuns podem ser solucionados através de evidências encontradas em equipamentos digitais.


Neste contexto torna-se inadiável o entendimento das leis e das tecnologias relacionadas a obtenção de provas digitais com validade jurídica.


O Treinamento FOR 401 apresenta em um único dia todos os aspectos relacionados à perícia forense digital, facilitando o entendimento das ações a serem tomadas pelas empresas, indivíduos e forças da lei para construírem um forte conjunto probatório para ser apresentado em juízo, contribuindo para a aplicação das leis.

Conscientizar a todos os profissionais de TI e Segurança da Informação na empresa quanto à necessidade de proteger as evidências digitais para preservar seu valor legal, além de apresentar todo o arcabouço jurídico relacionado a provas e demonstrar todas as etapas de uma investigação forense digital.


O Conteúdo deste curso é compatível com o conteúdo das principais certificações forense como o CHFI do EC-Council, GCFA e GCFE do SANS/GIAC.

O curso FOR 401 foi desenvolvido para ajudar ao aluno a diferenciar as implicações da coleta e análise de indícios e os cuidados para sua transformação em provas, em processos cíveis e penais através de um estudo da convenção de Budapeste, dos quesitos internacionais para coleta de provas da IOCE, sas leis americanas e da União Europeia e dos processos de investigação e análise de indícios

Apresenta aos alunos os conceitos básicos sobre perícia forense digital, e trata da evolução da Perícia Forense como um todo no mundo.

  1. Introdução - Descreve a necessidade e os objetivos da perícia forense digital.
  2. Histórico da Disciplina - Mostra a evolução da perícia forense desde Tzu Sung até a identificação de criminosos através de exames de DNA.
  3. Conceitos Fundamentais - Aborda os conceitos sobre tipos de incidentes, crime de meio, prova de autoria, objeto da prova, teoria geral das provas, sistema acusatório, conjunto probatório, provas lícitas e ilícitas, frutos da árvore envenenada, proporcionalidade, dolo, culpa. O Capítulo diferencia também os tipos de peritos e os vestígios, evidências e provas.

Apresenta aos alunos a forma correta de coleta forense e o papel do First Responder, ou seja, a primeira pessoa a interagir com as provas após um incidente.

  1. O papel do First Responder - Explica o preparo necessário para lidar com incidentes de segurança mantendo a cadeia de custódia das provas. Aborda os tipos de evidência e sua volatilidade, a decisão de desligar ou não o equipamento e como fazê-lo, a duplicação bit-a-bit e a custódia das evidências
  2. A Convenção de Budapeste - Aborda algumas das definições da Convenção de Budapeste para definir de forma harmônica os crimes praticados por meio da Internet e as formas de persecução
  3. IOCE e SWGDE - Apresentas os princípios definidos por estes dois organismos para a padronização de coleta de evidências de forma que possam ser aceitas em cortes de todo o mundo
  4. Apresenta as leis brasileiras relacionadas a crimes digitais, tais como o Peculato Eletrônico e a Pornografia Infantil -

Este módulo Apresenta aos alunos o processo de Análise das evidências coletadas.

  1. Análise Digital - Apresenta o processo de análise digital das evidências e cuidados necessários para garantir a qualidade do relatório gerado. Destacamos os cuidados com Time-stamp, análise de sistemas de arquivos, análise de arquivos apagados, análise de swap files, as ferramentas de análise e a análise de telefones celulares.

Este módulo apresenta apresenta aos alunos a etapa de encerramento e geração do relatório forense

  1. Encerramento do caso - Apresenta o fluxograma de encerramento do caso, os cuidados de sanitização, o processo de bookmarking, a geração de relatórios não litigiosos e de laudos, os cuidados na linguagem de criação dos relatórios, o Heptâmetro de Quintiliano e os cuidados de armazenamento e documentação do caso.

Nossos Clientes

A Antebellum mantem um relacionamento de qualidade e confiança com grandes clientes em todo o Brasil.